Enquanto o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro registrou queda de 4% no ano passado, o setor de geração de energia fotovoltaica cresceu 300%. Para este ano, a Agência Nacional de Energia Elétrica estima expansão de 800%.

Até 2024, a expectativa é que essa fonte renovável alcance 4% da participação no Sistema Interligado Nacional (SIN). Com números cada vez mais representativos e promissores, o segmento tem despertado o interesse dos profissionais da construção civil e do ramo de refrigeração e ar condicionado.


 

Comente: